FANDOM


Belo Horizonte – Mg/ João Victor Gomes Santana Pereira e Pedro Camillo Pereira, Turma 10

O alcoolismo na adolescência pode estar ligado com a mudança da infância para a fase adulta.Editar

Uma pesquisa feita por aluno huytze do 3º ano do ensino médio em uma escola, mostra que o primeiro contato dos adolescente com as bebidas alcoólicas é aos doze anos e intensifica-se aos quinze anos de idade que é o dia mais importante na vida dos adolescentes ainda mais para as mulheres que se vestem que se arrumam e se maquilham e essa fase da vida é chamada da fase que indica qu5jntebrwth36jveacsvhet6jtvdahtedvsarehtrergehtrgserhetwfrygwfry5egwfgt4eft4 acwrdctrvavrgv A Duda tem Dawno jovem está a começar a ser mais maduro ou mais responsável.(mentira)Editar

                                Alcool

A questão do alcoolismo está infiltrada na sociedade brasileira e a cada ano que passa a preocupação com alcoolismo vem-se agravando mais. Os adolescentes/crianças estão a ter mais cedo contato com bebidas alcoólicas e drogas(ervas, e medicinais).Editar

Uma pesquisa feita por um grupo de sete alunos do terceiro ano do ensino médio na Escola de Educação Básica de Meleiros com 360 estudantes com idades que variam de 12 a 18 anos mostrou que 26% das crianças com doze anos já tiveram contato ou já consomem bebidas alcoólicas. E outro dado alarmante na pesquisa demonstrou que a partir dos 14 anos o percentual de consufmo aumenta para 63% e vai aumentando de acordo com o envelhecimento do adolescente.Editar

Grafico
O gráfico ao lado representa os resultados obtidos com a pesquisa. E com a sua análise percebe-se que o aumento do consumo de bebidas alcoólicas dá-se na idade que o adolescente começa o processo de mudança corporal e intelectual. Outro fator que ajuda a agravar esse processo é a falta de diálogo da família com o jovem sobre o alcoolismo e sobre as drogas, pois nessa idade o jovem começa a frequentar festas onde há presença de bebidas alcoólicas e drogas.
Editar

Ao mesmo tempo em que a lei define como proibida a venda de bebidas alcoólicas para menores de 18 anos é práticamente comum o consumo de álcool pelos jovens – seja no ambiente domiciliar, seja em festividades, ou mesmo em ambientes públicos. Mesmo com uma lei de repressão ao alcoolismo. Esse fato já está a preocupar clubes de futebol além de pais e órgãos públicos, 12 dos clubes que fazem campanha para a prevenção do envolvimento dos seus atletas e jovens com o alcoolismo. Em preocupação com o alcoolismo a psicóloga do Grêmio afirma que uma boa base familiar é muito importante para que o jovem não se envolva com o álcool.Editar

Fonte: [1], [2] e [3].